Estudantes universitários de Idaho e da Gorongosa – Parceiros na investigação sobre abutres.

Duas estudantes de pós-graduação – uma em Moçambique e o outra em Idaho, EUA – estão a trabalhar juntas para compreender melhor os abutres através de uma parceria de investigação de longo prazo entre o Parque Nacional da Gorongosa e a Boise State University.

Domingas Matlombe, uma estudante Moçambicana matriculada no programa de Mestrado em Biologia da Conservação no Parque Nacional da Gorongosa, está a estudar as interações dos abutres durante a alimentação das carcaças e como estas aves são vistas nas comunidades urbanas e rurais ao redor do Parque.

Rebecca Bishop, uma estudante de mestrado matriculada no Programa de Biologia de Raptores da Boise State University, está a concentrar-se nos requisitos de aninhamento de abutres, uso de habitat chave (pastagens, savanas ou bosques) e padrões (hora do dia, estação do ano).Os resultados de ambos os esforços ajudarão os cientistas a identificar melhor o número de casais reprodutores e onde estão localizadas as populações saudáveis.

Leave a Reply

Create a website or blog at WordPress.com

Up ↑

%d bloggers like this: